Por Lugares Incríveis: a difícil tarefa de abordar a depressão

Entre diversos livros que li, poucos foram o que me tocaram da forma como esse fez. Por Lugares Incríveis é um livro da escritora Jennifer Niven que fará você se apaixonar e refletir com essa história cativante, porém triste.

Ao abrir as páginas conheceremos Violet Markey, uma adolescente cuja vida era perfeita, até que ela e sua irmã acabam sofrendo um acidente de carro e apenas Violet sobrevive. Sentindo-se devastada e culpada, a garota acaba se afastando de todos, tentando encontrar uma forma de seguir em frente.

Chorei um pouco, mas na maior parte do tempo estou vazia, como se o que me fizesse sentir e sofrer e rir e amar tivesse sido removido cirurgicamente, me deixando oca como uma concha.

Theodore Finch é o garoto esquisitão da escola. Toda semana sua personalidade muda, fazendo com que as outras pessoas se afastem e que ele seja perseguido por colegas de classe. Além de enfrentar problemas escolares, Finch passa momentos de depressão, problemas com seu pai e dificuldades de comunicação com a sua mãe.

Uma corrente de pensamentos passa pela minha cabeça como uma canção grudenta, de novo e de novo sempre na mesma ordem: Sou defeituoso. Sou uma fraude. Sou impossível de amar.

Finch tem uma estranha mania de pesquisar métodos de suicídio famosos para um dia conseguir realizá-lo. Um dia, quando ele executa essa tentativa no alto da torre da escola, encontra Violet roubando sua ideia, pensando em pular dali. Depois de ambos desistirem de cometer suicídio, dirigem-se para a sala de aula e acabam fazendo um trabalho juntos: visitar lugares incríveis do local onde moram. E, assim, começa uma amizade inimaginável.

Quando iniciei a leitura, achei que seria apenas mais um livro clichê para adolescente, mas Niven te arrebata em uma leitura encantadora, delicada e emocionante. Ao longo das páginas, você se apaixona por esses dois cativantes personagens e torce para que se recuperem de seus traumas.

Tratar de um assunto como esse suicídio, especialmente em um livro que o público alvo é jovem, é uma tarefa difícil. Por muitas vezes, vemos em livros, filmes ou séries a depressão ser romantizada. Mas não é o que acontece aqui. Nós sentimos a dor que essas pessoas passam, a vontade de se recuperar e mudar, mas falhar inexplicavelmente… E para as pessoas que vêem suicidas como egoístas, esse livro vai acabar com esse pensamento. Em vários momentos, os personagens buscam por ajuda, ainda que por pequenas, pensam em seus entes queridos, o que os ajudam em momentos difíceis.. Eles ficam felizes e você deseja que essa felicidade dure para a sempre.

Por Lugares Incríveis não irá procurar culpados, achar inúmeras razões e romantizar, irá mostrar a difícil tarefa de sobrevivência para aqueles que não tem mais essa vontade; os altos e baixos dessa doença. Se prepare para se apaixonar, sorrir e chorar.

E para os fãs, o livro fez tanto sucesso que irá se tornar uma adaptação! Por enquanto, os atores confirmados são Elle Fanning (Meu Nome é Ray), como Violet e a possível confirmação de Timothée Chalamet (Me Chame Pelo Seu Nome) como Theodore. O longa ainda não tem data para estreia.

Etiquetas