10 episódios para conhecer The Twilight Zone

Com o anúncio do reboot produzido por Jordan Peele, conheça dez episódios da série que influenciou a cultura sci-fi.

Alguns fãs de Black Mirror podem ficar surpresos, mas a série não é nem de longe a primeira a tratar de temas como a decadência da sociedade, avanços tecnológicos e questões éticas. A pioneira nessa temática é a aclamada The Twilight Zone (em português brasileiro, “Além da Imaginação”), criada por Rod Serling no final dos anos 50. O contexto é muito interessante e bastante conhecido pelos telespectadores: a iminência de outra guerra a nível mundial, ameaça de bombas por todo o planeta, o perigo do comunismo (contém ironia) e uma geração completamente alienada e culturalmente colapsada.

The Twilight Zone é indiscutivelmente uma das séries mais conhecidas da cultura americana. Rod Serling sempre quis produzir um conteúdo denunciando a moral e a corrupção da sociedade americana, mas a temática era sistematicamente rejeitada pelos estúdios por ser “pesada” demais. Para conseguir disfarçar a crítica social, Serling adicionou a “quinta dimensão” como palco para diversas situações em que a ética poderia ser questionada. Essa combinação brilhante de questões filosóficas e ficção científica ainda é a nascente para várias histórias do cinema contemporâneo.

Recentemente abriu-se novamente a discussão sobre o programa porque foi anunciado que Jordan Peele (Get Out! e Us) será o produtor executivo de mais uma temporada revival da antologia. Além disso, seu mais novo filme, cuja data de lançamento está prevista para 2019, foi livremente inspirado em um dos episódios da primeira temporada da série. Mesmo depois do fracasso da segunda tentativa de criar uma nova temporada em 2002, as expectativas para a obra de Peele são altas, graças ao seu excelente desempenho no gênero do terror psicológico.

Foram produzidas cinco temporadas da série clássica, dos quais 99 episódios foram dirigidos pelo criador e produtor executivo Rod Serling – que também fez aparições em todos os episódios com um monólogo inicial e final. Confira o trailer de Super Bowl.

https://www.youtube.com/watch?v=ISIEWyh0tLY

Separamos os episódios mais conhecidos e influentes deste período de 1959 a 1964:

Episódio 1, temporada 1: “Where is everybody?”

No primeiro episódio da série, conhecemos um astronauta que está perdido em uma cidade desconhecida e misteriosamente vazia. Existem diversos sinais de que alguma pessoa acabou de passar pelos lugares que ele visita, mas não há absolutamente ninguém a vista.

Episódio 8, temporada 1: “Time Enough at Last”

Um homem aficionado pela leitura é constantemente interrompido e condenado pelo seu maior prazer. Quando uma bomba explode e dizima toda a população do planeta exceto ele mesmo, ele finalmente pode dedicar todo o seu tempo à leitura… Se não fosse um pequeno problema que eventualmente se torna uma tragédia.

Episódio da série “The Twilight Zone”.

Episódio 21, temporada 1: “Mirror Image”

O capítulo que serviu de inspiração para Jordan Peele em seu novo filme Us, trata-se da história de uma mulher que se depara com a própria doppelganger no momento mais decisivo de sua trajetória. A personagem se convence de que há uma pessoa exatamente igual a ela e que está tentando deixá-la para trás para roubar a sua nova vida.

Episódio da série “The Twilight Zone”.

Episódio 22, temporada 1: “The Monsters are Due on Maple Street”

Uma incrível história de terror moderna, em que os pacatos moradores da Rua Maple não hesitam ao acusar seus vizinhos de serem alienígenas responsáveis por acabar com a energia das casas. A paranoia e a barbárie acabam por denunciar quem são os verdadeiros monstros escondidos entre nós.

Episódio 7, temporada 2: “Nick of Time”

Uma das notórias participações de William Shatner (Star Trek) na série, neste episódio conhecemos um casal que fica preso em uma cidade desconhecida à mercê de uma máquina supostamente inofensiva que consegue responder todas as perguntas que lhe são feitas.

Episódio 26, temporada 2: “Shadow Play”

O julgamento de um homem termina em sua condenação à cadeira elétrica. Ele precisa lutar contra o tempo para convencer todos a sua volta de que se ele morrer todo o resto do mundo também desaparecerá, pois aquela realidade trata-se de um sonho que está prestes a terminar.

Episódio 29, temporada 2: “The Obsolete Man”

Neste episódio, a série mostra o seu mais puro caráter distópico ao nos colocar em uma sociedade em que o Estado se tornou um aparelho gigante que despreza os indivíduos. O Homem Obsoleto é um bibliotecário que é condenado à morte, já que sua função como ser humano é desprezível – afinal, os livros e a cultura são coisas proibidas. Ele planeja sua execução assistida como forma de se vingar daqueles que o condenaram.

Episódio da série “The Twilight Zone”.

Episódio 26, temporada 3: “Little Girl Lost”

Episódio que inspirou o clássico filme de terror Poltergeist (1982), conhecemos a história de um pai desesperado para encontrar sua filha que chora dentro de casa por ajuda, mas que não está a vista em lugar nenhum. Conforme o tempo passa, percebemos que duas realidades colidem e que possivelmente a garotinha está presa na quinta dimensão.

Episódio 3, temporada 5: “Nightmare at 20.000 feet”

O capítulo mais icônico e memorável da série, reproduzido em Lego e parodiado por diversos filmes de comédia. Um homem que há seis meses precisou ser internado por ter uma crise psicótica dentro de um avião, agora se sente pronto para voltar para casa e ter sua vida normal. Entretanto, ele não poderia imaginar que seria atormentado por uma terrível visão de um monstro ao lado de sua janela no avião – e ninguém mais é capaz de vê-lo.

Episódio da série “The Twilight Zone”.

Episódio 6, temporada 5: “Living Doll”

Um homem é constantemente ameaçado por Tina, a boneca falante de sua enteada. Quando ele começa a tratar mal a criança, Tina se manifesta somente em sua presença para poder ameaçá-lo.

Pouco se sabe da produção do reboot que tem sua estreia marcada para primeiro de abril deste ano. Foram anunciados nomes como Taissa Farmiga (A Freira, 2018) e Ginnifer Goodwin (Once Upon Time, 2018) no elenco, além da narração e apresentação pelo próprio Jordan Peele (Get Out!, 2017). Espera-se que seja o mais fiel possível ao teor caótico e sci-fi da versão original, além da famosa música de abertura que tornou a série mundialmente conhecida.

Você está viajando através de outra dimensão, uma dimensão não apenas da visão e do som, mas também da mente. Uma jornada para um lugar incrível, cujos limites são os da imaginação. Sua próxima parada, The Twilight Zone!

Etiquetas